Existem alternativas ao Adobe Acrobat ? (para visualização e/ou edição de ficheiros no formato PDF ).


Sim, existem várias (quer livres quer comerciais).

Grande parte dos utilizadores associa a leitura de ficheiros no formato PDF ao Adobe Acrobat.
Vários produtores de software e de conteúdos indicam que para ler os ficheiros associados (manuais, etc) "é necessário o Adobe Acrobat".

A menos que os documentos incluam funcionalidades específicas desse programa (o que deve ser mencionado) existem diversas alternativas.

Nesta informação indicam-se, de preferência, programas livres multi-plataforma (e multi-OS), quer para visualização, quer para "edição" de PDFs.

Nota: o Responsável pela sua Unidade terá que colocar um TT ao SERU justificando o motivo da sua necessidade.

  • Leitura de PDFs (exemplos)
    PDFXCview (PDF-XChange Viewer)
    Programa de utilização gratuita com diversas funcionalidades - incluindo edição - e exigências reduzidas a nível de hardware.
    A versão de utilização grátis permite algumas operações de edição: escrita de texto, criação de notas pop-up, desenho de figuras, gravação de documentos alterados (nomeadamente de formulários preenchidos), etc.
    Possui uma versão portable e uma versão comercial. Plataforma: MS Windows. URL: http://www.docu-track.com/downloads/users/
    Preview
    Um dos componentes do Mac OS X - permite a visualização de outros formatos de ficheiro para além do PDF.
    Plataforma: Apple Macintosh ("Mac").
    Evince
    Para além de conteúdos em PDF pode ler ficheiros nos formatos PostScript, DjVu, TIFF e DVI.
    Gratuito. Plataforma: GNU / Linux com o GNOME desktop environment. Encontra-se incluído na distribuição Linux Ubuntu.
    Okular
    Programa semelhante ao anterior mas com mais funcionalidades. Lê ficheiros em, p.ex., PDF, PostScript, DjVu, TIFF, DVI, CHM, XPS, ODF e ePub. Permite a criação de anotações em ficheiros no formato PDF e outras operações.
    Gratuito. Plataforma: GNU / Linux com o KDE desktop environment (embora possa funcionar com o GNOME desde que se instale alguns componentes do KDE).
    MuPDF
    Programa muito rápido e com dimensão reduzida, no entanto possui de origem poucos menús.
    Existe uma variante do tipo plug-in para a versão MS Windows do browser Firefox
    Gratuito. Multi-plataforma. URL: http://ccxvii.net/mupdf/
    Sumatra PDF
    Programa muito rápido e com dimensão reduzida. Utiliza o MuPDF para processamento dos PDFs mas implementa menús e outras ferramentas.
    Pode funcionar como uma versão portable .
    Gratuito. Plataforma: MS Windows. URL: http://blog.kowalczyk.info/software/sumatrapdf/download.html
    GSview
    Relativamente rápido e versátil.
    Necessita da instalação prévia do Ghostscript (o que permite a utilização de diversas funcionalidades).
    Gratuito. Plataformas: Linux e MS Windows. URL: http://pages.cs.wisc.edu/~ghost/gsview/get49.htm
  • "Edição" de PDFs (exemplos)
    PDFXCview (PDF-XChange Viewer)
    A versão de utilização gratuita possui algumas funcionalidades de "edição" e exigências reduzidas a nível de hardware:
    escrita de texto, criação de notas pop-up, desenho de figuras, gravação de documentos alterados (formulários preenchidos…), etc.
    Possui uma versão portable e uma versão comercial. Plataforma: MS Windows. URL: http://www.docu-track.com/downloads/users/
  • Outros
    Existem diversos programas livres para a realização de inúmeras operações (p.ex. em lote). Alguns deles não possuem interface gráfica e não se encontram vocacionados para o utilizador "comum". Exemplo:
    Ghostscript
    Possui uma quantidade muito elevada de funcionalidades e é utilizado por diversas soluções de software.
    Além destas, existem interfaces gráficas simples para a sua utilização "mais amigável".
    Gratuito. Plataformas: Linux, Mac OS, MS Windows. URL: http://pages.cs.wisc.edu/~ghost/

v. 1.0.1 2009-10-19

Etiquetas: Acrobat, Alternativas ao Adobe Acrobat, freeware, pdf, software livre
2010-02-19 03:02 SERU - Fernando Monteiro {writeRevision}
Avaliação média: 1 (1 Avaliação)

Não pode comentar este artigo

Chuck Norris has counted to infinity. Twice.